Moda orgânica: conheça mais uma maneira de se vestir de de forma sustentável

Atualizado: 15 de Nov de 2019

A moda sustentável tem várias vertentes, uma delas é a moda orgânica

Loja da marca curitiba Botané, localizada no setor de orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba

De acordo com a professora de design de moda, Taise Viera Sena, a produção de roupas orgânicas é aquela que não utiliza produtos químicos, como agrotóxicos e pesticidas, na sua fabricação. “Durante o processo de produção da roupa orgânica, não se pode, em hipótese alguma, utilizar produtos químicos, mas sim sempre buscar uma solução natural para qualquer situação do desenvolvimento do produto. Uma roupa que é denominada orgânica, deve-se conter um selo de certificação dado por um órgão competente. Esse selo vai sinalizar se aquela roupa é realmente orgânica.


Segundo o Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável (Organis), em 2019, com 23%, o sul é a região que mais consome produtos orgânicos no Brasil. A pesquisa também mostra que o maior obstáculo do público, que gostaria de consumir produtos orgânicos, em maior quantidade, é o preço. Entretanto, no final da pesquisa, o Organis concluiu que 67% dos consumidores pretendem aumentar o consumo de orgânicos nos próximos 6 meses.


Ateliê da marca Luan Vallto no centro ce Curitiba

O designer de moda Luan Valloto, conta que sua marca, localizada em Curitiba, está bastante conectada a produção natural de roupas, “eu estou mais ligado a materiais naturais, aquilo que já desde o início da sua produção, vem com um impacto menor. E também, quando esse produto chegar no fim do seu ciclo de vida, ele pode ser enterrado, de modo que não ofereça riscos ao meio ambiente".


Para a arquiteta Jessica Yumi Kai, co-fundadora da marca Botané, o consumo consciente é a solução que precisamos no mundo. Jéssica explica que, o propósito da marca é criar peças atemporais e exclusivas sempre pensando no meio ambiente, “as nossas peças são feitas de algodão indiano, não possui agrotóxico, o que não maltrata a pele de quem confecciona as roupas e nem quem usa”. A sócia-proprietária da loja, ainda diz que muitas pessoas procuram o estabelecimento em busca de roupas que não sejam tóxicas ou dão alergia. As sócias buscam valorizar a mão de obra local e também futuramente utilizar apenas algodão brasileiro. A loja da marca Botané, está localizada no setor de orgânicos do mercado municipal, sendo a única loja do setor que vende produtos de vestuário.




6 visualizações0 comentário